sábado, 11 de setembro de 2010

Alexandre Prestes - Coisas simples da vida


Esta noite estava refletindo e lendo um texto lindo da Dan "Simples Assim", cheguei a conclusão que pra mim a felicidade está nas coisas simples da vida.

Eu gosto das coisas simples da vida
o tempero que minha mãe coloca na comida,
beijo de uma criança pra sarar a ferida,
lambuzar-se com sanduiche na primeira mordida.

Eu gosto da vida com simples coisas
chuva caindo sobre o para-brisas,
ler textos emocionados de poetisas,
andar na rua sem usar camisas.

Coisas simples da vida tem gosto
um beijo de verdade no rosto,
uma manhã do mês de Agosto,
o aceite de um convite proposto.

E nas coisas simples esta a felicidade
da infância trazer a amizade,
nela encontrar a lealdade,
a cultivar com morosidade,
pois hoje em dia isso é raridade,
encontra amigos com essa qualidade,
com pequeno detalhe: afinidade
pra isso é preciso sensibilidade,
valorizar as virtudes à longevidade. 

E a felicidade chegará à imensidade.

11 comentários:

Postar um comentário